Intelig explica pane de 13/01/2010 no RS


A Intelig Telecom enviou um comunicado nesta segunda-feira, 18, explicando o motivo da falha que afetou os serviços de Internet no Rio Grande do Sul por três horas na quarta-feira passada, 13 de Janeiro.

De acordo com nota da empresa, a  interrupção dos serviços “ em grande parte do Rio Grande do Sul, inclusive Porto Alegre” foi causado por falhas simultâneas em dois pontos da rede da empresa.

A primeira falha teria acontecido às 11h20 no trecho do cabo entre as cidades gaúchas de  Colinas e Veranópolis, motivado por uma  queda de barreiras no trecho ferroviário, nas proximidades do Km 137.

Ainda segundo a nota da empresa, esse primeiro rompimento não afetou os serviços, já que o tráfego teria sido roteado roteado automaticamente para sua contingência utilizando uma rota rodoviária de cabos ópticos.

O plano B falhou as  às 12h58, quando uma escavadeira que executava obras na altura do Km 438 da BR 101 – entre a catarinense Içara e Torres, no Rio Grande do Sul – rompeu também esse cabo.

A Intelig afirma que assim que os eventos foram percebidos, a empresa  acionou as empresas responsáveis pela manutenção dos cabos ópticos. As equipes de campo da Intelig Telecom também foram acionadas para acompanhar as atividades de reparo nos locais mencionados. Às 15h59, todos os serviços foram normalizados.

Foram afetados serviços de comunicação do Banco Santander, Caixa Economica Federal, Terra, UOL e do provedor de hospedagem de sites KingHost. A informação foi complementada pelo jornal ZeroHora. A queda foi geral, incluindo links de dados (internet e vpn) e telefonia (0800 e números 4003-XXXX).
A KingHost já contratou a Global Crossing para backup de acesso no caso de uma nova “falha simultânea”.

Comentários

comentário(s)

2 Comments

Add yours

+ Leave a Comment